Foto: Santa Casa

Através da parceria entre o Hospital Dom João Becker e a Sogil, um ônibus será disponibilizado para doadores de sangue, nesta quarta-feira (24/6). O veículo partirá da frente do hospital, às 7h45min, rumo ao banco de sangue da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre. Não é necessário realizar inscrição prévia para participar da ação. O retorno está previsto para o meio dia. Para garantir a segurança dos doadores, algumas medidas foram tomadas, tais como a redução de 50% da capacidade do ônibus, que agora levará no máximo 15 pessoas; a obrigatoriedade da verificação da temperatura antes do embarque e a disponibilização de álcool em gel. As doações de sangue promovidas através do Ônibus Social ocorrem sempre na última quarta-feira do mês. O projeto foi retomado em maio, pois o ritmo de doações tem caído e os estoques estão baixos.

O que é preciso para doar sangue?

São condições básicas para doar sangue: apresentar documento com foto, válido em todo o território nacional, ter entre 16 e 69 anos de idade (de 16 a 18 anos de idade, devem estar acompanhados por responsáveis legítimos) e peso acima de 50 quilos.

Recomendações para o dia da doação

  • Estar alimentado, com intervalo mínimo de 3 horas entre a refeição e a doação;
  • Dormir no mínimo 6 horas na noite anterior à doação;
  • Não ingerir bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores à doação;
  • Evitar fumar por pelo menos duas horas antes da doação;
  • Evitar alimentos gordurosos nas 3 horas antecedentes à doação;
  • Pessoas que exercem profissões que exijam pilotar avião ou helicóptero, conduzir ônibus ou caminhões de grande porte, subir em andaimes e praticar paraquedismo ou mergulho devem interromper as atividades por 12 horas.

Quem não pode doar?

  • Quem teve diagnóstico de hepatite após os 11 anos de idade;
  • Mulheres grávidas ou amamentando;
  • Pessoas que estão expostas a doenças transmissíveis pelo sangue como AIDS, Hepatite, Sífilis e Doença de Chagas;
  • Usuários de drogas;
  • Quem teve relacionamento sexual com parceiro desconhecido ou eventual;
  • Quem fez tatuagem há menos de um ano.

Fonte: Assessoria de imprensa da Santa Casa