Foto: Caroline Barcelos/PMG

Desde o último sábado (27/2), a Guarda Municipal (GM), juntamente com a Secretaria de Mobilidade Urbana (Semurb), vem atuando na orientação aos comerciantes e à população sobre o novo decreto municipal. Entre as normas descritas, consta a restrição de atividades econômicas não essenciais e a circulação de pessoas em parques e praças públicas. Na terça-feira (2/3), fiscais da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SMDET) passam a acompanhar os patrulhamentos tanto da Guarda Municipal como da Brigada Militar para a autuação em casos de reincidência. “Estamos atuando constantemente para averiguar as denúncias que chegam até nós, mas precisamos que o esforço seja coletivo”, afirmou o secretário municipal para Assuntos de Segurança Pública, coronel Flávio Lopes.

Desde o início da vigência do decreto, a Guarda Municipal já orientou 91 estabelecimentos que estavam abertos ou entreabertos. Além destes, 16 averiguações de denúncias foram feitas. Durantes os dois primeiros dias de averiguações de denúncias e patrulhamentos, a GM seguiu fazendo um trabalho de orientação aos comerciantes, no qual alertou sobre as novas medidas de prevenção à Covid-19. Além dos comércios, a Semurb tem atuado constantemente em praças e parques públicos buscando inibir a permanência das pessoas nestes locais. De acordo com o decreto municipal 18.493, publicado no último sábado, os locais públicos como parques, praças, faixa de areia e mar, devem ser utilizados somente para circulação, respeitado o distanciamento interpessoal e o uso obrigatório e correto de máscara.

Aglomerações
Para denunciar aglomerações ou condutas inapropriadas, que vão contra o novo decreto, os cidadãos podem entrar em contato através dos números:

Guarda Municipal: 3600-7634

Central de Operações: 3191-5000 ou 153

*Informações da Prefeitura de Gravataí