Reunião realizada na manhã desta segunda. Foto: Prefeitura de Gravataí

O prefeito Marco Alba recebeu o chefe do Executivo de Glorinha, Darci José Lima da Rosa, os procuradores Régis Fonseca e Jean Torman, na manhã desta segunda-feira (25/11), para a assinatura do Convênio de Cooperação entre os dois municípios, que vão concentrar esforços para manter os serviços de acolhimento institucional de crianças e adolescentes. “O objetivo deste convênio é defender crianças e adolescentes, de ambos os municípios, que se encontram em um contexto de risco e vulnerabilidade social por meio do acolhimento institucional como medida de proteção integral”, explica Marco Alba.

O Acolhimento Institucional de Crianças e Adolescentes é oriundo de medidas protetivas por determinação judicial, em decorrência de violação de direitos (abandono, negligência, violência) ou pela impossibilidade de cuidado e proteção por sua família. Atualmente, Gravataí já faz os acolhimentos vindos de Glorinha, que não dispõe do serviço e, agora passará a pagar pelos atendimentos. “Estamos buscando formalizar uma situação que já ocorre na prática, mas que Glorinha agora passará a dar sua contrapartida”, destaca Fonseca.