Menino precisará fazer uma cirurgia para colocação de um anel no esôfago. Foto: Arquivo Pessoal

O pequeno Luiz Miguel Falcão Flores, de um ano e dez meses, conta com a ajuda dos gravataienses. O menino tem paralisia cerebral e Síndrome de West e se mostra um guerreiro durante o tratamento, porém a família tem dificuldade em arcar com todas as despesas. A mãe, Pamela Cristina Falcão Simas, revela que a ajuda de amigos e colaborações têm sido essenciais nesta caminhada em busca de melhor qualidade de vida para a criança. Ela, que tem outra filha – Luiza, de 12 anos – aponta que ainda não recebe nenhum benefício que possa ajudar nos gastos do dia a dia. Doações de fraldas, pomada, produtos de higiene, alimentos e roupas (tamanho 3/4 anos) podem ser feitas para a moradora, cujo contato é 98427-9995. Também é possível ajudar depositando alguma quantia na conta de Pamela (Caixa Econômica Federal, agência 3451, operação 023, conta 00004337-0, CPF 002.721.720-57).