Na tarde da última segunda-feira (23/01) um funcionário da Universidade do Vale do Rio dos Sinos – Unisinos – enviou um e-mail a estudantes de Arquitetura e Urbanismo contendo dados pessoais de alunos da universidade.

Ao todo, 23.335 alunos tiveram seus dados divulgados, como nome, endereço, telefone, CPF, RG, dados de matrícula, data de nascimento, e-mail, curso e forma de ingresso na instituição.

Segundo a universidade, a pessoa responsável já foi demitida. “A Unisinos lamenta a situação que resultou no vazamento, por meio eletrônico, de informações de parte de seus alunos para um grupo de estudantes do curso de Arquitetura”, afirma o comunicado oficial da instituição. Alunos podem esclarecer dúvidas pelo telefone 3591-1122, ramais 4105 e 4111.

Relatos sobre o vazamento começaram a circular no Twitter e no Facebook, onde alunos da universidade se mostraram indignados com a situação. Foi criado no Facebook um perfil chamado "Os 23 mil divulgados da Unisinos", onde é discutida uma ação coletiva na Justiça contra a instituição. Na rede social o grupo divulgou o número das matrículas de quem foi exposto pela lista.

Fonte: G1

Créditos Destaque: Reprodução site info.abril.com.br