Estrutura é construída em área do estacionamento do Hospital Dom João Becker. Foto: Eduarda Narciso/PMG

As instalações do hospital de campanha junto ao Dom João Becker (área do estacionamento, na Rua Dr. Luiz Bastos do Prado) devem ser concluídas até 15 de maio, conforme previsão da Prefeitura. No local haverá central de triagem, consultórios, sala de medicação, coleta de exames, posto de enfermagem e dez leitos para internação com respiradores, que devem ser enviados pelo Ministério da Saúde. “Agora, a parte da Prefeitura está na reta final. Com o espaço físico pronto vamos contratar os profissionais da saúde e aguardar que os 20 respiradores do Governo Federal, cheguem até Gravataí, para reforçar a estrutura de UTI que temos no município”, disse o prefeito Marco Alba durante visita ao espaço.

Com a chegada dos equipamentos, Gravataí passará a contar com 30 leitos de UTI, o que triplica a capacidade atual. A projeção é de que essa estrutura seja mantida por um período de até seis meses, cujo custo estimado poderá ser de R$ 10 milhões – que compreendem a estrutura física, equipamentos e contratação de profissionais. No Pronto Atendimento Municipal (PAM 24H) foram instalados 21 leitos adultos e 11 leitos pediátricos, que serão exclusivos para o tratamento do coronavírus. As emergências de traumatologia, psiquiatria e odontológicas, que são atendidas na unidade, terão um acesso de pacientes modificado, pela avenida Brasil. A UPA (Unidade de Pronto Atendimento), localizada na parada 74, neste período de enfrentamento da Covid-19, ficará atendendo a todas as outras emergências de saúde que não o vírus, ou seja, infartos, acidentes vasculares cerebrais, entre outros.

Fonte: Prefeitura de Gravataí