A equipe multidisciplinar do projeto Mulheres da Paz realizou um “Passeio Ecológico com Segurança no Morro Itacolomi”, na última segunda-feira (13/02). A atividade foi promovida pela Secretaria Municipal de Assuntos de Segurança Pública (SMASP), por meio do Grupamento Ambiental, em conjunto com o Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci).

Num percurso repleto de vegetação e da planta símbolo de Gravataí, a bromélia, os integrantes conheceram um dos cartões postais do município. Entretanto, foi ao chegarem ao Pico dos Cachorrinhos, como é conhecido um dos pontos mais altos do local, pelo seu formato rochoso, que os visitantes tiveram o privilégio de visualizar a cidade e a natureza do entorno do Itacolomi.

Segundo o biólogo e supervisor administrativo da Faculdade Cesuca, Belvoir Balke, entre os animais existentes no Itacolomi estão o gato do mato, ouriço, preá, raposa e diversas aves, como por exemplo, o gavião. “Na mesma medida em que as pessoas vão conhecendo a região, elas também vão aprendendo mais sobre consciência ecológica, e sobre como podemos ajudar na preservação de um símbolo ambiental”, comenta.

Na ocasião, a pedagoga e coordenadora do Mulheres da Paz, Denise Pacheco Lopes, agradeceu o Grupamento Ambiental pelo apoio, e revelou a satisfação de toda a equipe em participar do projeto. “Estávamos com muitas expectativas em trilhar o Itacolomi. Desfrutar de uma paisagem como esta não tem preço”, afirma.

Conheça o Morro Itacolomi

Com 320 metros de altitude, o Morro Itacolomi está estampado no brasão de Gravataí e foi declarado, em 2003, como patrimônio cultural do Rio Grande do Sul. O Pico do Itacolomi também é um dos principais campos de aprendizagem para escaladores, devido à qualidade de suas vias (de 4º a 9º) e pelo seu valor histórico.

Fonte: Prefeitura de Gravataí

Créditos Destaque: Luciana Marques – SECOM/PMG