130 alunos do Programa Mais Educação, da Escola M.E.F. Tiradentes, estão participando de oficinas na área de Robótica, que é a ciência que estuda a montagem e a programação de robôs. Os robôs podem ser caracterizados como dispositivos autônomos reprogramáveis controlados por um programa de computador.

 A tecnologia é passada aos estudantes desde os princípios mais básicos, através da produção de desenhos de robôs, montagem com peças de lego e de sucata, como tampinhas de refrigerante, garrafas pet e caixas dos mais variados tamanhos.

A aluna Fernanda Vitória, de 11 anos, também tem a mãe como parceira nas atividades. "Já fiz vários robôs de sucata em casa e a minha mãe gosta muito de montar também", contou. Andrieli da Silveira, da mesma idade, exibiu com orgulho sua produção: um caminhãozinho cuidadosamente estruturado com pecinhas de metal. "A gente faz várias coisas, mas o que eu gosto mesmo são dos robôs de sucata", que na sala de aula variavam dos mais coloridos aos mais metalizados.

A coordenadora do Mais Educação na escola, professora Luciana Beatriz Santos dos Santos, explica que o apoio do Ministério da Educação permite a compra do material pedagógico, que contém kits com peças para montagem de modelos e manuais que explicam passo a passo como fazer caminhões, robôs, máquinas e tudo o mais que a imaginação permitir. Dois notebooks auxiliam os estudantes nas pesquisas e nas consultas aos manuais, além de permitir a programação dos robôs que se movem por comandos do computador.

Atualmente, o município tem 1.700 alunos no programa Mais Educação, desenvolvido em 17 escolas. Além das oficinas no turno inverso ao escolar, os estudantes recebem 3 refeições ao dia.

Fonte: Prefeitura de Cachoeirinha

Crédito destaque: Prefeitura de Cachoeirinha