O número de divórcios no Brasil teve um crescimento de 45,6% no ano passado, em relação a 2010. É o que mostram os dados da pesquisa estatística do Registro Civil 2011, divulgados ontem (17/12), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Acompanhando a tendência nacional, o Rio Grande do Sul também registrou aumento no número de separações. A taxa geral de divórcios passou de 1,6 para cada mil gaúchos, em 2010, para 2,3 no ano passado. O tempo médio entre a data do casamento e a da separação também diminuiu, de 21 anos em 2006 para 17 em 2011.

A pesquisa destacou também mudanças na distribuição dos nascimentos por idade da mãe, indicando um padrão etário mais envelhecido na ocasião da maternidade. Distrito Federal (11,5%), Rio Grande do Sul (11,2%) e São Paulo (10,8%) foram os estados que tiveram maiores percentuais de registros de nascimentos de mães com idade entre 35 e 39 anos.

Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Créditos destaque: Sxc.hu