O Ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) José Jorge afirmou, nesta quinta-feira (14/07), que é impossível dizer que não ocorrerá superfaturamento em obras da Copa do Mundo de 2014.

Jorge fez a declaração no lançamento do Portal de Transparência da Copa de 2014 – criado para acompanhar dados cadastrais, informações financeiras, processos licitatórios, cronogramas, relatórios e cumprimento de metas de todas as obras federais, estaduais e municipais relacionadas ao Mundial no Brasil.

A ideia é que o portal funcione como uma rede de informações que disponibilizará tanto para os cidadãos quanto para o poder público dados sobre rodovias, estádios, aeroportos, portos e demais obras relacionadas ao evento, com foco nos contratos.

Fonte: Folha Online