Alexandre Magno Abrão(42), o Chorão, da banda paulista Charlie Brown Jr, foi encontrado morto em seu apartamento, onde morava, em São Paulo, na madrugada desta quarta-feira (06/03), pelo seu motorista, que acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). As causas da morte ainda não foram divulgadas.

O vocalista, que faria 43 anos em 9 de abril, era o responsável pelo direcionamento artístico e executivo da banda que surgiu na década de 90, conquistando milhares de fãs. Um poeta ao seu modo, o cantor e letrista, que compunha suas músicas influenciadas pelo skate e críticas a sociedade, ganhou destaque entre os jovens brasileiros.

Conquistou alguns prêmios ao longo de sua carreira, como o Grammy Latino, em 2004, com o trabalho “Tamo aí na atividade”, e depois com o melhor álbum de rock em 2009, com “Camisa 10 Joga bola até na chuva”.

Chorão ainda foi roteirista do filme “O Magnata”, que foi lançado em 2007 e como empresário, administrou marcas de skate e trouxe grandes eventos de skate para o Brasil, além de manter o espaço Chorão Skate Park na cidade de Santos desde 2006.

Em 15 anos de carreira, a banda Charlie Brown Jr. lançou nove álbuns e ao todo o grupo vendeu 5 milhões de cópias. O próximo show estava marcado para o dia 22 de março, no Rio de Janeiro.

Fonte: G1 e Zero Hora

Foto destaque: Divulgação