Os aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), que se aposentaram entre 5 de abril de 1991 e 1º de janeiro de 2004, poderão saber no final da tarde desta segunda-feira (25/07) se têm direito à revisão do teto previdenciário. Ao todo, 117.135 pessoas terão direito ao aumento e ao recebimento dos valores atrasados.

A informação estará disponível por meio do telefone 135 e do site da Previdência Social (www.previdencia.gov.br). Será preciso informar nome do segurado, número do benefício, data de nascimento e CPF.

A revisão, que será paga automaticamente, sem a necessidade de protocolar pedido na agência, garante um aumento médio de R$ 240,00 para os segurados que tiveram o benefício limitado ao teto previdenciário na data da concessão, mas que não tiveram os valores corrigidos quando, em dezembro de 1998 e em janeiro de 2004, duas emendas constitucionais elevaram esse limite.

Até novembro de 1998, o teto era de R$ 1.081,50. Depois, em dezembro, por uma emenda constitucional, o teto foi elevado para R$ 1.200. Quem já recebia o valor anterior não passou a receber o novo teto. O mesmo ocorreu em janeiro de 2004, quando outra emenda fixou o teto em R$ 2.400.

Segue abaixo o calendário de pagamento dos valores atrasados:
31/10/11: quem tem até R$ 6 mil a receber
31/05/12: de R$ 6.000,01 a R$ 15 mil
30/11/12: de R$ 15.000,01 a R$ 19 mil
31/01/13: acima de R$ 19.000,01

Fonte: Folha Online e Portal da Previdência Social

Créditos Destaque: Instituto Isads