Visando a Copa do Mundo de 2014 foi realizada ontem à noite (15/05), a primeira simulação de um provável acidente. O principal objetivo da operação foi avaliar a segurança e a preparação dos profissionais envolvidos.

A simulação dirigida pelo comandante, capitão Iremar Charopen foi discutida durante vários meses pelos integrantes da Comissão Estadual de Segurança para grandes eventos (Coesge) e até março de 2014 entre cinco e 11 simulados deverão ocorrer.

A operação reuniu forças da Brigada Militar, Polícia Civil, Instituto-Geral de Perícias, Polícia Rodoviária (Estadual e Federal), Forças Armadas, Defesa Civil e equipes médicas vinculadas a empresas privadas, além de órgãos ligados ao meio ambiente, a Fepam. Envolvendo 15 viaturas, 115 pessoas, entre policiais, médicos e figurantes, o teste simulou um acidente entre um ônibus com passageiros e um caminhão de gás. Além de prestar atendimentos a feridos, o incidente previa o vazamento de produto químico e incêndio.

Fonte: SECOM

Créditos Destaque: Comunicação/PMG