Foto: Divulgação/GM

A fábrica da General Motors (GM) renovou a suspensão de contratos de trabalho (lay-off) até novembro. Pela proposta, aprovada pelo Sindicato dos Metalúrgicos de Gravataí, haverá redução de salário até 12 de setembro. Nos meses de outubro e novembro não haverá redução salarial. Não ocorrendo a reação do mercado, a categoria concorda com nova prorrogação da suspensão contratual até abril de 2021, mediante pagamento integral da bolsa qualificação pela GM. Em outras unidades do país, a empresa vai abrir programas de demissão voluntária, com incentivo de salários extras e um veículo (modelo Onix) para os colaboradores que aderirem.