Evento será promovido na Praça da Bíblia. Foto: Arquivo/Prefeitura de Gravataí

Acontece de 21 a 27 de outubro a 33ª Feira do Livro de Gravataí. Nesta edição, o público poderá conferir 20 estandes, na Praça da Bíblia, localizada em frente à Prefeitura. A programação será inspirada no tema “literatura em cena” e vai incluir palestras, encontros com escritores, oficinas, bate-papos, contações de histórias, troca de livros, maratona de desenhos, espetáculos teatrais, circenses, musicais, de dança e ilusionismo. Além disso, serão mais de 20 sessões de autógrafos. Outro destaque da Feira do Livro será a realização de um concurso de cosplayers (pessoas caracterizadas de personagens). O ator, escritor e diretor José Victor Castiel é o patrono do evento.

Participação tradicional

Presença sempre confirmada na Feira do Livro, o Clube Literário de Gravataí se prepara para apresentar à comunidade seus novos títulos. Quem acompanha o trabalho do grupo sabe que o escritor Borges Netto costuma lançar publicações anualmente. E seguindo a tradição, apresenta, este ano, o romance Batalhão Gravataí. Conforme o autor, o personagem central chama-se Zeca Garcia, gravataiense que “troca a enxada pela espada” ao deixar o trabalho na lavoura para lutar na Guerra dos Farrapos. Dado como morto, o combatente reaparece dez anos depois. Sérgio Luiz da Silva, o Serginho, lança Bom-dia, com poesia! e Carlos Albani, Os 140 filhos de Mãe Nana. O jornalista e ambientalista Claudio Wurlitzer publica seu sétimo livro: A caminho do último ponto. Círio de Melo lança Ler faz bem, declamar também.