O Quiosque da Cultura, vinculado à Fundação Municipal de Arte e Cultura (Fundarc), traz a exposição “Intromissões no belo”, de Fernanda Rodrigues dos Santos, com visitação aberta ao público de 13 de agosto a 1° de setembro. Fernanda é natural de Gravataí e trabalha como professora de artes em escolas municipais de Glorinha. Ela já desenvolveu oficinas de arte no SESI Gravataí e participou de exposições no seu município e arredores.

Na exposição, Fernanda desmitifica a noção de belo como algo inatingível ou distante. “Passamos diariamente por lindas paisagens sem contemplá-las, por acreditarmos que o belo está sempre longe, ou em grandes expedições”, explica. A artista é uma entusiasta das paisagens naturais, em especial o céu, que adora observar e registrar por meio da fotografia.

A proposta de Fernanda é trazer para o Quiosque uma série de paisagens que, apesar de belas em sua essência, deixam visíveis o que a artista define como intromissões do urbano. Além de direcionar o olhar do espectador para os elementos que “poluem” as imagens, ela quer causar no público a mesma sensação de incômodo que lhe causam os fios de luz, as torres de energia, os postes e as construções, ao roubarem da natureza sua pureza natural.

Tal sensação será produzida por fios transpassando o espaço de exposição e impedindo a livre circulação dos visitantes. Para ter acesso as fotografias, o público terá de enfrentar obstáculos, como os que a artista enfrenta diariamente na sua prática fotográfica.

As atividades são gratuitas, assim como tudo o que ocorre no Quiosque da Cultura, e realizadas na Praça Leonel de Moura Brizola, em frente ao Hospital Dom João Becker.

Fonte: http://www.gravatai.rs.gov.br

Créditos destaque: Reprodução/ Site da Prefeitura de Gravataí