Quatro anos após treinar a Seleção Brasileira e ser eliminado pela Holanda nas quartas-de-final da Copa do Mundo de 2010 na África do Sul, o capitão do tetracampeonato, Dunga, retorna ao cargo. Na terça-feira (22/07), no Rio de Janeiro, ele será anunciado como o novo chefe do vestiário da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Está tudo acertado, desde a semana passada, entre o presidente José Maria Marin, o futuro presidente Marco Polo Del Nero e o coordenador Gilmar Rinaldi.

Neste retorno ao comando do time brasileiro, Dunga vai precisar trabalhar bem mais do que fez da última vez.

Fonte: Zero Hora

Crédito destaque: Zero Hora