Na tarde de ontem (09/02), o Banco de Alimentos de Gravataí distribuiu cestas para 50 famílias do Distrito do Itacolomi. De acordo com a nutricionista responsável pelo Banco de Alimentos, Sanmira Faghcrazzi, é marcado a hora e o lugar para a entrega nas comunidades. “Assim temos a garantia de que aquele produto chegará com ótima qualidade para as mãos da família”, disse.

Com uma média de 110 cestas por semana, de duas a três entidades estão recebendo as entregas, dependendo do número de famílias que estão cadastradas. “Essa demanda depende das doações. Até setembro, terá arroz e feijão o suficiente para distribuir, de acordo com a data de validade. Claro que esse prazo pode aumentar quando recebermos mais doações”, explicou.

O coordenador do Banco de Alimentos, Gerson Rovisco, explica que existe uma logística antes do alimento chegar à mesa das famílias. “Existe uma mão-de-obra para isso, para que o alimento chegue a quem mais precisa. Para isso, apenados, reeducandos e servidores do Banco de Alimentos, prestam serviços fazendo desde a montagem das cestas e confecção de sacos, até a seleção dos produtos”.

Doações

O Banco Municipal de Alimentos fica localizado na Avenida Centenário, 08, e possui uma estrutura que permite a entrega, a coleta e o armazenamento de alimentos. A comunidade em geral também pode fazer doações, entrando em contato através do fone 3497-2830.

Todos que recebem esse tipo de ajuda devem ser cadastrados em alguma entidade. Assim, essas associações fornecem as informações sobre as famílias que participam da entidade, como o número de integrantes e a idade de cada um, e repassam os dados ao Consagra, órgão que faz uma análise para ver se aquela família pode participar do Fome Zero. O Banco de Alimentos ampara atualmente 38 instituições.

Fonte: Prefeitura de Gravataí

Créditos Destaque: Bruna de Bem – SECOM/PMG