Nesta quinta-feira (11/04), comemora-se o Dia Mundial contra o Mal de Parkinson. Segundo cálculo da Organização das Nações Unidas (ONU), no mundo, 4 milhões de pessoas apresentam esse mal. A doença levou o nome de um médico inglês, James Parkinson, que em 1817 descreveu pela primeira vez uma disfunção neurológica que compromete os movimentos.

Fique atento:

Procure um médico assim que perceber um ligeiro tremor nas mãos ou tenha notado que sua letra diminuiu de tamanho (micrografia);

Mantenha a atividade intelectual;

Não atribua ao passar dos anos, a perda da expressão facial e o piscar dos olhos menos frequentes;

Pratique atividade física.

 

Fonte: Site Drauzio Varella

Créditos destaque: Divulgação