Hoje (27/07) comemora-se o Dia do Motociclista. Dados relativos a 2008 mostram que somente no Rio Grande do Sul, circulam três milhões de motos. Em 2010, dos 21.173 acidentes de trânsito, 2.882 envolveram este tipo veículo. Por isso, é importante lembrar sobre os cuidados que cada condutor deve ter.

A Associação Brasileira de Motociclistas (Abram) divulgou uma lista com “Os 12 mandamentos do motociclista”, para ajudar a evitar acidentes no trânsito:

1 – Mantenha a motocicleta sempre em ordem
Verifique a calibragem e o estado geral dos pneus, o funcionamento do farol, setas, lanterna e luz de freio, e leve seu veículo regularmente ao mecânico.

2 – Pilote utilizando equipamentos de segurança
Use capacete aprovado pelo Inmetro, calça e jaqueta de tecido resistente (preferencialmente de couro), botas ou sapatos reforçados e luvas.

3 – Reduza a velocidade
Quanto menor a velocidade, maior será o tempo disponível para lidar com o perigo de uma condição adversa ou situações inesperadas, como mudança súbita de trajetória de outro veículo.

4 – Atenção e concentração
O ato de pilotar motocicletas exige muita atenção do motociclista, por isso evite se distrair.

5 – Respeite a sinalização de trânsito
Muitos acidentes poderiam ser evitados se as sinalizações fossem observadas e respeitadas.

6 – Cuidado nos cruzamentos
Os cruzamentos são os locais de maior incidência de acidentes de trânsito, então redobre a atenção e reduza a velocidade ao se aproximar dos mesmos, principalmente nos sem sinalização de semáforos.

7 – Cuidado nas ultrapassagens
Sinalize as manobras com antecedência e certifique-se de que você realmente foi visto pelo motorista a ser ultrapassado. Tenha cuidado ao passar entre veículos, principalmente ônibus e caminhões.

8 – Cuidado com pedestres
Lembre-se de que o pedestre tem prioridade no trânsito urbano. Seja cordial e tenha atenção redobrada com crianças e idosos.

9 – Seja visto
Ao pilotar à noite, use roupas claras e com materiais refletivos.

10 – Se beber, não dirija
Está comprovado que bebida e direção não combinam.

11 – Mantenha distância
É imprescindível manter uma distância segura dos veículos à frente (cerca de cinco metros).

12 – Cuidado com a chuva
Redobre a atenção, reduza mais ainda a velocidade e evite freadas bruscas. Lembre-se de que nestas condições o tempo de frenagem é duas vezes maior que o normal.

Fonte: Te liga na Vida e Daer

Créditos Destaque: Confraria das Motos