A Polícia Civil deflagrou, na manhã desta segunda-feira (01/10), a operação Classe A, que visa a desmantelar uma organização criminosa envolvida em furto e roubo de veículos em cidades da Região Metropolitana. Foram cumpridos 46 mandados de busca e apreensão e 19 de prisão.

Durante a investigação, que durou cinco meses, foram identificados 40 integrantes, no qual cada um tinha uma função específica na organização. Uns furtavam e roubavam os carros, outros clonavam e havia membros que vendiam esses carros em Santa Catarina e até mesmo no Paraguai. Vários veículos já saiam do Rio Grande do Sul com placas de estado vizinho. Segundo as investigações, eles eram entre R$ 700,00 e R$ 4.000,00.

Pelo menos 150 veículos podem ter sido alvo da quadrilha. Eles eram novos e na maioria carros de luxo. Quatorze pessoas foram presas nesta data e outras sete no decorrer da investigação. Segundo o delegado Marco Guns, os criminosos se utilizam de adolescentes para efetuar as ações.

Foram apreendidos 7 armas, 15 veículos, munições e peças de carros desmanchados.

Fonte: Polícia Civil

Créditos destaque: Polícia Civil