Uma data pouco conhecida, o Dia do Vovô e da Vovó, comemorado dia 26 de julho, vem ganhando espaço timidamente no comércio. Comparado com os últimos anos, houve um aumento da procura por presentes nesta data, em virtude da maior divulgação de campanhas por parte do varejo. Entre os presentes mais comuns, estão os vestuários, móveis, perfumaria e artigos de decoração. A FCDL-RS espera alta sazonal de 2%, em decorrência da comemoração.

– O frio influencia nestes setores, pois as pessoas ficam mais tempo dentro de casa. Além disso, são itens de importância na pauta de presentes mais comuns para pessoas de idade mais avançada, em alusão direta ao Dia dos Avós – explica o presidente da FCDL-RS, Vitor Augusto Koch. 

A data ainda é pouco comemorada, pois nesse período os lojistas se preparam para a campanha de vendas do Dia dos Pais, que é comemorado no dia 11 de agosto. Porém, quem investe nessa comemoração, percebe o resultado. As pequenas datas festivas não são vistas como grandes oportunidades para o varejo. Entre as datas que mais movimentam o comércio estão o Dia das Mães, Dia dos Namorados, Natal e Páscoa. 

Fonte: PlayPress (  Betina Broch)

Créditos destaque: Sxc.hu