Na madrugada desta terça-feira (02/07), a Câmara Municipal de Porto Alegre aprovou o projeto de lei complementar do Executivo que isenta as empresas de ônibus da Capital de pagar o Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN). Dessa forma, a passagem da linha municipal de ônibus passa, de R$ 2,85, para R$ 2,80.

Foram 34 votos a favor da emenda e apenas um contrário, durante a sessão que teve início às 14h desta segunda-feira (01/07) e terminou apenas após a meia-noite. Das 15 emendas propostas, a n° 12 foi a única aprovada. Os vereadores, no entanto, se comprometeram formalmente em aprovar um futuro projeto de lei do vereador Cláudio Janta, que obrigaria as empresas a manter banheiros para seus funcionários no início e no final das linhas de ônibus.

Ainda não há data definida para que o novo valor da tarifa entre em vigor, porém, a expectativa é de que nesta quinta-feira o sistema de bilhetagem eletrônica já esteja cobrando os R$ 0,05 a menos.

Créditos destaque: Cristine Rochol/PMPA 

Fontes: Site da Câmara Municipal de Porto Alegre e Zero Hora