Um levantamento foi divulgado nesta quinta-feira (28/07), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mostrando que, segundo o estudo Análise de Consumo Alimentar Pessoal no Brasil, da Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) 2008-2009, a dieta de 90% dos brasileiros está fora do padrão recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

A OMS e o Guia Alimentar Brasileiro sugerem o consumo de 400 g de frutas, legumes e verduras por dia, mas nem 10% da população ingere o indicado. As maiores médias de consumo diário per capita no país são de feijão, arroz, carne bovina, sucos, refrigerantes e café.

Quando considerada a alimentação de homens e mulheres, o estudo aponta que os homens têm menor consumo de verduras, saladas, e grande parte das frutas e doces. Já o consumo de cerveja e bebidas destiladas chega a ser cerca de cinco vezes maior do que entre as mulheres.

O estudo do IBGE indica uma relação entre as condições de alimentação e a renda familiar per capita do brasileiro. De acordo com o levantamento, alimentos considerados saudáveis como o feijão e milho são mais consumidos entre a população de menor renda. O mesmo acontece com o consumo médio de batata-doce, enquanto a batata frita, por exemplo, considerada altamente calórica, é mais consumida na classe de maior renda.

Fonte: G1

Créditos Destaque: Menina Perfeita