O abre e fecha de bingos no RS provocou uma decisão judicial inédita, nesta segunda-feira (05/12), em Gravataí. Após ser interditada pelo menos quatro vezes somente neste ano, uma casa de jogos teve as janelas soldadas e muros de tijolos foram erguidos para impedir a reabertura.

Uma força-tarefa do Ministério Público cumpriu mandados no bingo, apreendeu máquinas, notificou responsáveis, e realizou as obras para impedir a reativação da casa, com a ajuda de um soldador e de um pedreiro. Para o promotor de Justiça José Francisco Seabra Mendes Júnior, coordenador da Força-Tarefa Bingo, a decisão pode gerar precedente jurídico para que outros estabelecimentos do tipo sejam lacrados da mesma forma.

Hoje, no estado, bingos chegam a reabrir no mesmo dia em que são fechados pelas autoridades.

Fonte: Correio do Povo

Créditos Destaque: G1