Foto: Arquivo Pessoal

Muita felicidade e gratidão. É o que sentem Winnie Felisbino dos Santos e Douglas Bueno, que finalmente conseguiram levar a caçula, Agnes, para casa. A menina estava internada, no Hospital Santo Antônio, da Santa Casa de Porto Alegre, desde o nascimento em 30 de março. A pequena teve uma má formação na coluna (uma doença chamada mielomeningocele), além de hidrocefalia e a Síndrome de Chiari tipo 2. Ela precisa de um respirador por 24 horas e por essa razão ficou hospitalizada até a família conseguir adquirir o aparelho e, assim, manter os cuidados em domicílio.

Para a compra, os gravataienses criaram uma campanha com a meta de R$ 100 mil. E o valor foi alcançado, graças a solidariedade de muita gente! Na última quinta-feira (9/7), a guerreira Agnes conheceu seu lar, onde está recebendo todo o amor e carinho dos manos, CaioYasmin, e dos pais. A mãe criou um perfil no Instagram através do qual é possível acompanhar a história da criança: @agne.sbueno.