ARTIGOS

Capa

Energia na pista
A responsabilidade de Francieli Souza (23) é grande: nas festas em que trabalha precisa escolher um repertório que agrade todo mundo, que permita o público dançar e se divertir. O objetivo da DJ Fraaan, como tornou-se conhecida, é contagiar quem está na pista com a sua energia. Ela se dedica à profissão há dois anos, estudou na Academia Internacional de Música Eletrônica (AIMEC) e agora se prepara para um novo desafio. “O próximo passo é encarar a produção musical. Estudar produção de músicas como DJ é o foco de 2017. Não vejo a hora de produzir minhas próprias melodias, mostrar cada vez mais a minha vibe para quem for me escutar”, salienta.
 
Tudo começou despretensiosamente, explica Francieli. “Sempre amei música. Sonhava em ser cantora, tive banda de garagem com colegas desde os 12 anos, mas isso nunca deu muito certo”, revela. Após esta etapa, ela ingressou na faculdade de Jornalismo, com a ideia de atuar na área musical. Contudo, apenas escrever sobre música não parecia suficiente. A jovem sentia falta de algo mais. Nessa época, na qual ia a várias baladas, começou a prestar atenção no trabalho dos DJs. A forma como levavam alegria às pessoas a encantou. Decidiu então compartilhar a sua energia nas pistas através da música. Certa do que queria, iniciou o curso de DJ, na AIMEC, e mantém permanentemente treinamentos. 
 
Quanto ao próprio estilo, Fraaan destaca que gosta de incluir nos sets mixagens de clássicos do rock e da Música Popular Brasileira (MPB). “A vibe do meu som é deep house, melodias suaves e elegantes com um bass mais marcado”, frisa. Embora considere os estilos diferentes do seu, Francieli admira a trajetória de profissionais como Alison Wonderland, Samhara, Vintage Culture e Pic Schmitz. Conforme a DJ, seu sonho é levar a música ao maior número possível de pessoas, proporcionando conforto e alegria através das canções. “A maior recompensa é ver uma pista cheia, pessoas cantando junto com a música, sorrindo com os amigos, dançando de olhos fechados. Para mim esse é o momento chave, quando rola essa troca de boas energias”, ressalta. 
 
A loira é bastante determinada, considera que para alcançar os objetivos basta trabalhar duro, se empenhar. Acredita que independente da profissão, o maior desafio é não desistir diante das dificuldades, visto que muitas vezes parece que nada acontece. “É preciso manter o foco, estar sempre trabalhando no teu sonho, treinando, pesquisando, pensando em como melhorar e crescer”, afirma. 
 
Conheça a profissional 
Francieli mora em Cachoeirinha com os pais, Jocelina Rosa (50) e Isairi Souza (45), mas tem vários amigos em Gravataí, onde já trabalhou. Ela cursou até o sexto semestre de Jornalismo na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), tendo feito estágio em revistas como a Evidência e a Noize (especializada em música e cultura em geral). A DJ também concilia a rotina com atividades de assessoria de imprensa, sobretudo para casas de shows de Porto Alegre. 
 
Pé na estrada para trabalhar
Desde o final do ano passado, a DJ Fraaan toca no Espaço Premier Club do Estádio Beira Rio. Os torcedores podem conferir um pouco do trabalho dela no início, intervalo e término dos jogos. A profissional destaca que o pessoal tem curtido bastante os seus sets, o que é uma grande alegria. Além disso, surgem várias oportunidades de pegar a estrada para tocar em outras cidades. Ela admite que ama viajar. Se o lugar tiver praia então, tudo fica ainda melhor! “Uma das coisas apaixonantes da minha profissão é a oportunidade de viajar. Eu já toquei bastante no interior do Rio Grande do Sul”, comenta ela que já se apresentou em municípios como Uruguaiana, Rio Grande, Carlos Barbosa, Gramado, Lajeado e Torres. 
 
Francieli também participou de eventos como o Planeta Atlântida, no qual tocou em 2016, na Tenda da Schin. Fora do estado, ressalta a presença em eventos de São Paulo e Rio de Janeiro. “São Paulo é uma cidade que tenho paixão, por funcionar loucamente, 24h por dia. Tive oportunidade de tocar em algumas baladas da Rua Augusta, em 2015”, relata. No Rio de Janeiro, a gaúcha foi convidada para discotecar no Hotel Fasano e durante a estadia conheceu alguns dos mais bonitos cenários da cidade, como Copacabana e Arpoador. “Achei lindo demais!”, diz. 
 
Uma experiência incrível
Recentemente, a DJ Fraaan teve uma grande oportunidade de apresentar o seu trabalho no Rio de Janeiro. Ela conta que foi convidada por Duda Magalhães, empresário de Paulo Ricardo, para discotecar após o show do músico, que fez uma temporada no bar Baretto-Londra, do Hotel Fasano. “Foi incrível, minha primeira vez no Rio, a cidade realmente é maravilhosa, o pub Londra é lindo”, aponta. Francieli argumenta que além da honra de tocar após uma apresentação de Paulo Ricardo, que “faz parte da história do rock nacional”, teve a chance de conhecer o DJ Marcelo V're, que tem 19 anos de carreira. “E ainda durante o set tive a participação do saxofonista Tiago Astori, que mora em Saint-Tropez, na França. Estava lá para fazer uma participação no show do Paulo Ricardo, ficou para festa, curtiu o meu set e me deu a honra de fazer solos com o sax”, acrescenta. 
 
Dia para cuidar de si
A bela adora uma semana agitada, com muitos compromissos. Todavia, também procura reservar alguns momentos para descansar, ficar com a família e o namorado, Arthur Ramos (22). “Posso dizer que não costumo ter uma rotina certinha, mas tento tirar a segunda-feira de folga. É o meu dia, em que rola ir para o cinema, cuidar de mim, ou até fazer nada, passar o dia assistindo filme. Durante a semana, procuro sempre tirar algumas horas para pesquisar músicas, treinar, preparar sets”, explica. A jovem também revela que gosta muito de ler e passear. “Comer coisas engordantes! Sou completamente junk food, não perco hambúrguer, batata frita, pizza. E, claro, mesmo que não esteja trabalhando, eu sempre vou para festa. Meu lance é ver gente, ver as coisas acontecendo”, completa. 
 

comentários (0) faça seu comentário

- nenhum comentário foi encontrado para esta notícia.